Este evento já decorreu.

Orquestra Sinfónica Portuguesa

Tinoco, Ravel e Bartók

© Sven Arnstein

© Sven Arnstein

Incipit – palavra latina que em composição musical designa uma sequência inicial de notas – é o título da obra que o OPART encomendou a Luís Tinoco para celebrar os 450 anos da fundação do Rio de Janeiro, cidade onde se estreou em junho de 2015. O Concerto em Sol maior para piano e orquestra, de Maurice Ravel, foi escrito entre 1929 e 1931 e os seus três andamentos são acentuadamente influenciados pelo jazz que tanto marcou Ravel durante a sua digressão aos Estados Unidos, em 1928. O Concerto para orquestra de Béla Bartók, uma das suas obras mais conhecidas e acessíveis, foi composto em Nova Iorque em 1943 e estreado no ano seguinte. Tal como o título sugere, os vários naipes da orquestra são tratados como solistas.Oportunamente, e como é habitual, serão produzidos pelo TNSC vídeos promocionais com a maestrina e com o solista, bem como um spot de 20’’ para a RTP.

Artur Pizarro piano
Joana Carneiro direção Musical
Orquestra Sinfónica Portuguesa
Joana Carneiro maestrina titular

Programa
Luís Tinoco
Incipit (Encomenda TNSC 2015)
Maurice Ravel Concerto em Sol maior para piano e orquestra
Béla Bartók Concerto para Orquestra



Coprodução | CCB | Opart

15 maio 2016 | 17:00

+6
Enviar a um Amigo