O Messias

Orquestra Sinfónica Portuguesa
Coro do Teatro Nacional de São Carlos

orquestra Sinfónica Portuguesa no palco

Orquestra Sinfónica Portuguesa © Bruno Simão

Coro do Teatro Nacional de São Carlos © Bruno Simão

Joana Carneiro dirige O Messias de Händel. É uma das mais amadas oratórias barrocas e um verdadeiro abraço cultural da humanidade, dada a familiaridade com que todos os povos do mundo lidam com excertos como o coro «Hallelujah». Estreada em Dublin, a obra teve primeira apresentação londrina em 1743 numa gala a que assistiu grande parte do corpo diplomático – é provável, pois, que o nosso futuro Marquês de Pombal tenha estado presente, pois nessa data era adido em Londres. O elenco integra alguns dos mais notáveis jovens cantores portugueses, o tenor Petter Moen e o baixo Daniel Mirosław.


Georg Friedrich Händel O Messias, HWV 56

Soprano Sónia Grané
Contralto Cátia Moreso 
Tenor Petter Moen
Barítono Daniel Mirosław

Direção do coro Giovanni Andreoli
Direção musical Joana Carneiro
 

Coprodução | CCB/São Carlos




APOIO MEDIA

15 dezembro 2019 | 17:00
M/6
Enviar a um Amigo