Este evento já decorreu.

Protagonistas da História de Portugal

Nuno Gonçalo Monteiro, Bernardo Vasconcelos e Sousa e Rui Ramos

CCB

Marquês de Pombal

Na sequência do esforço nacional de contenção do novo coronavírus (COVID 19) e em consonância com as orientações da Direção Geral de Saúde, o Centro Cultural de Belém decidiu adiar sessão de dia 14 março, para o dia 16 de maio 2020.

Os bilhetes adquiridos para o dia 14 de março de 2020 terão de ser trocados para a próxima data. No entanto, caso deseje o reembolso, deverá dirigir-se ao local de compra dos mesmos, em data anunciar.

Para compras online irão receber um e-mail com todas as informações.

Agradecemos a sua compreensão.

Neste novo ciclo de palestras, vamos estudar alguns dos atores, individuais e coletivos, da História de Portugal. Uns têm nomes famosos, outros permaneceram anónimos. De alguns conhecemos iconografia, outros temos de os imaginar. Qual a importância que lhes devemos dar na compreensão do passado? Que noção tinham de quem eram e do que estavam a fazer? Nesta primeira série, falaremos sobre D. Afonso Henriques, Inês de Castro, Fernão Lopes e o seu «povo miúdo», as gentes da expansão portuguesa, a rainha D. Maria Francisca de Sabóia, Marquês de Pombal, D. Maria II, os revolucionários da I República e Salazar.


Programa

Primeira Parte – Época Medieval
Bernardo Vasconcelos e Sousa
Instituto de Estudos Medievais
Faculdade de Ciências Sociais e Humanas – UNL

Primeira Sessão – 11 de Janeiro de 2020
Afonso Henriques, “Rei dos Portugueses”
    1. Henrique da Borgonha e Teresa de Leão
    2. São Mamede, 1128 – o Condado Portucalense face ao Reino de Leão e à Galiza
    3. Do Entre-Douro-e-Minho para Coimbra
    4. De Ourique (1139) a Badajoz (1169)
    5. Um rei e a sua dinastia (1179-1185)

Segunda Sessão – 18 de Janeiro de 2020
Inês, a Castro
    1. Inês de Castro no imaginário colectivo dos Portugueses
    2. A dama galega e a sua linhagem
    3. Sopram “ventos” de Castela
    4. Afonso IV, nobreza de corte e guerra civil
    5. Soube Inês por que morreu?

Terceira Sessão – 25 de Janeiro de 2020
Fernão Lopes e o seu “povo miúdo”
    1. A vida conhecida de Fernão Lopes
    2. Ao serviço da nova Dinastia de Avis
    3. O cronista-mor do reino e a construção do passado
    4. O Rei, o Condestável e o “povo miúdo”
    5. A Crónica de D. João I de Fernão Lopes, um “documento-monumento”

Terceira Parte – Época Contemporânea
Rui Ramos
Instituto de Ciências Sociais
Universidade de Lisboa

Sétima Sessão – 29 de fevereiro de 2020
D. Maria II, a primeira rainha constitucional
   1. A conquista do trono através de uma revolução (1826-1834)
   2. A rainha na política e na sociedade liberais: o «poder moderador» e a mãe de família
   3. D. Maria II entre «setembristas» e «cabralistas»: uma rainha partidária, ou apenas uma rainha     corajosa?

Oitava Sessão, 7 de março de 2020
Os Revolucionários Republicanos de 1910
   1. Quem eram os republicanos?
   2. O poder dos republicanos era democrático?
   3. O espírito revolucionário

Nona Sessão, 14 de março de 2020 - ADIADO PARA DIA 16 DE MAIO/////CANCELADO
Salazar e a ditadura salazarista
   1. Salazar antes do salazarismo
   2. Porque é que a ditadura salazarista durou tanto tempo?
   3. Porque é que o salazarismo não teve herdeiros?

 


Legenda da Imagem 
Louis-Miguel van Loo (1707-1771) e Joseph Vernet (1714-1789)
Retrato de Sebastião José de Carvalho e Melo, 1.º Marquês de Pombal, 1766
Óleo sobre tela
Museu de Lisboa

 

 


11, 18 e 25 de janeiro 2020 | 1, 8, 15 e 29 de fevereiro 2020 | 7 de março 2020 | 16 de maio 2020 (Nova data) 12:00 às 13:00
Centro de Congressos e Reuniões | Piso 1
M/6
Duração aprox. 60 min
Enviar a um Amigo