Música de Câmara

Gonçalo Lélis e Enrique Lapaz

Quintas às 7

Enrique Lapaz

Enrique Lapaz

Em 1948, Sergei Prokofiev foi acusado pela doutrina cultural de Zhdanov de formalismo, o que levou a que a sua música fosse, então, banida. Um ano depois, compôs a sua Sonata para violoncelo e piano em Dó maior, op. 119, mesmo sem ter a certeza de a mesma vir a ser interpretada em público. A par desta sonata, o recital de Gonçalo Lélis e Enrique Lapaz integra a Sonata para violoncelo e piano n.º 4, em Dó maior, op. 102 n1 de Beethoven, composta entre 1812 e 1817, numa altura em que o compositor atravessava duras dificuldades, provenientes de a sua surdez se estar a tornar cada vez mais profunda. Do recital fazem ainda parte a Suite Italienne, retirada da música que compôs para o ballet de Pergolesi, Pulcinella, e Variações sobre um tema de Rossini, de B. Martinu.

Ludwig van Beethoven Sonata para violoncelo e piano n.º 4 em Dó maior, op. 102 n1
Igor Stravinsky Suite italienne
Sergei Prokofiev Sonata para violoncelo e piano em Dó maior, op. 119
Bohuslav Martinů Variações sobre um tema de Rossini H.290



Coprodução | CCB | Antena 2

16 Novembro 2017 | 19:00

Sala Luís de Freitas Branco
M/6
1hs/intervalo
Enviar a um Amigo