Este evento já decorreu.

C9 – Europa: o novo e o antigo

Orquestra de Câmara Portuguesa

CCB

Orquestra de Câmara Portuguesa ©Patrícia Andrade

Pedro Carneiro ©Mario Zgoll

Tatiana Samouil

Wolfgang Amadeus Mozart Abertura do Rapto do Serralho
Miguel Azguime Illuminations (estreia absoluta)
Wolfgang Amadeus Mozart Concerto para violino n.º 5 em Lá maior, K. 219, Turco

Orquestra de Câmara Portuguesa
Pedro Carneiro direção musical
Tatiana Samouil violino

Este programa começa com a Abertura do Rapto do Serralho, célebre ópera de Mozart, com libreto de Johann Gottlieb Stephanie der Jüngere. A sua estreia deu-se no Burgtheater, em Viena, a 16 de julho de 1781. A sua composição coincide com o período em que Mozart decidiu fixar-se permanentemente em Viena, de forma a chegar a um público mais vasto, sendo, de fato, a obra com que o compositor teve maior reconhecimento popular em vida.
O concerto termina com outra obra de Mozart, o Concerto para violino n.º 5 em Lá maior, K. 219, Turco, composta em 1775, quando o compositor ainda residia em Salzburgo, tendo como apelido Turco uma vez que, no rondó final, Mozart integrou na composição um interlúdio em Lá menor, adaptado de uma peça composta por si em Milão, o que lhe dá um caráter próprio da música turca.
Entre estas duas obras de Mozart, a Orquestra de Câmara Portuguesa, dirigida por Pedro Carneiro, vai ainda estrear uma obra de Miguel Azguime, compositor, poeta e percussionista português, também conhecido por ter fundado o Miso Ensemble, um dos mais importantes agrupamentos portugueses de música contemporânea.

24 abril 2016 | 19:00

M/6
não tem lugares marcados
Enviar a um Amigo