Este evento já decorreu.

D6- The World's Mine Oyster*

Sete Lágrimas

Sete Lágrimas ©Renato Silva

Sete Lágrimas ©Renato Silva

Sete Lágrimas ©Renato Silva

Sete Lágrimas ©Renato Silva

Coro Ricercare

Pedro Teixeira

* The Merry Wives of Windsor (Ato 2, Cena 2)

Sete Lágrimas
   Filipe Faria voz e direção artística
   Sérgio Peixoto voz e direção artística
   Denys Stetsenko violino barroco
   Sofia Diniz viola da gamba
   Tiago Matias guitarra barroca, guitarra romântica, tiorba e alaúde
   Rui Silva percussão histórica

Coro Ricercare
Pedro Teixeira direção

London (England)
«Linger your patience on; and we'll digest The abuse of distance; force a play:
The sum is paid; the traitors are agreed; The king is set from London»
Henry V | Ato 2, Prólogo
1. Tobias Hume (c.1579-1645) The spirit of gambo
2. John Dowland (1563-1626) Flow my tears

Bourdeaux (France)
«Go to the gates of Bourdeaux, trumpeter: Summon their general unto the wall.»
Henry VI, parte 1 | Ato 4, Cena 2
3. Claude Goudimel (c.1514/1520-1572) Je chanterai car Dieu est ma lumière (adapt. Filipe Faria e Sérgio Peixoto)

Navarre (Navarre)
«Navarre shall be the wonder of the world; Our court shall be a little Academe,
Still and contemplative in living art.»
Love's Labour's Lost | Ato 1, Cena 1
4. Juan Achietta (1462-1523) Con amores la mi madre

Venice (Most Serene Republic of Venice)
«I shall have so much experience for my pains, and so, with no money at all and a little more wit, return again to Venice.»
Othello | Ato 2, Cena 3
5. Giovanni Girolamo Kapsberger (c.1580-1651) Toccata arpeggiata
6. Stefano Landi (1587-1639) Passacaglia della vita
7. Claudio Monteverdi (1567-1643) Si, ch’io vorrei morire

Milan and Verona (Lombardy)
«Launce! by mine honesty, welcome to Milan!»
Two Gentlemen of Verona | Ato 2, Cena 5
«There is a lady in Verona here
Whom I affect; but she is nice and coy And nought esteems my aged eloquence»
Two Gentlemen of Verona | Ato 3, Cena 1
8. Francesco Corbetta (ca.1615-1681) Ciaconna
9. Tema tradicional da Itália/Lombardia San Giuseppe e la Madonna

Agincourt (France)
«KING HENRY V
Praised be God, and not our strength, for it! What is this castle call'd that stands hard by? MONTJOY
They call it Agincourt.
KING HENRY V
Then call we this the field of Agincourt, Fought on the day of Crispin Crispianus.»
Henry V | Ato 4, Cena 7

«KING HENRY V
Do we all holy rites;
Let there be sung 'Non nobis' and 'Te Deum;' The dead with charity enclosed in clay:
And then to Calais; and to England then:
Where ne'er from France arrived more happy men.»
Henry V | Ato 4, Cena 8
10. Salmo 115 (113b) Non nobis Domine

A cavern (Scotland)
«O well done! I commend your pains; And every one shall share i' the gains; And now about the cauldron sing, Live elves and fairies in a ring, Enchanting all that you put in. [Music and a song: 'Black spirits,' & c]»
Macbeth | Acto 4, Cena 1
11. Thomas Middleton (1580-1627) Black spirits and white, red spirits and gray (adapt. Filipe Faria e Sérgio Peixoto)

London (England)
«Why, 'tis a gull, a fool, a rogue, that now and then goes to the wars, to grace himself at his return into London under the form of a soldier.»
Henry V | Ato 3, Cena 6
12. John Playford (1623-1686/7) Prince Rupert’s March de The English Dancing Master (1651), adapt. Filipe Faria e Sérgio Peixoto
13. John Playford (1623-1686/7), Jacob van Eyck (c.1590-1657) Daphne de The English Dancing Master (1651), adapt. Filipe Faria e Sérgio Peixoto


William Shakespeare morreu há 402 anos, a 23 de Abril de 1616. Nascido em 1564, em Stratford-upon-Avon (Warwickshire) é considerado o maior escritor de língua inglesa e um dos maiores (senão o maior) dramaturgo de sempre. Poeta, dramaturgo e actor, Shakespeare terá escrito cerca de 37 peças para além de sonetos, poemas, etc. Entre 1585 e 1592, iniciou uma carreira brilhante em Londres (Inglaterra) integrando e dirigindo a companhia Lord Chamberlain's Men (mais tarde designada de King's Men).
O título deste programa - The world’s mine oyster - é uma citação de The Merry Wives of Windsor (Acto 2, Cena 2) entretanto absorvida pela linguagem comum como notando que o mundo é nosso se o quisermos descobrir. No contexto original da peça, Pistol responde a Falstaff com uma espécie de ameaça ao facto deste último se recusar a emprestar dinheiro («I will not lend thee a penny»). A resposta de Pistol - «Why, then the world's mine oyster. Which I with sword will open» - pode ser lida como uma metáfora da entrega, dedicação e esforço necessários para descobrirmos o que está escondido e que não é senão uma promessa.
A partir dessa promessa propomos uma viagem às cidades-palco de Shakespeare, às geografias e aventuras das suas personagens. Uma viagem pela Europa dos séculos XVI/XVII procurando os sons que as podiam guiar, uma espécie de mapa sonoro do que poderia ser a grande viagem… A cidade ou região como local de nascimento de um compositor, como local de trabalho, como origem de uma canção popular ou parte de um acontecimento histórico relevante.
Nascido na Escócia por volta de 1579, Tobias Hume (?1579-1645) é considerado um dos maiores compositores para viola da gamba. Pouco se sabe da sua vida mas terá vivido em Londres, tendo sido admitido na London Charterhouse em 1629. A sua defesa intransigente da viola da gamba contra o alaúde - o instrumento dominante da época - , levou John Dowland (1563-1626) a publicar, em 1612, uma defesa do alaúde contra os «ataques» de Hume. Dowland terá nascido em Londres e viveu nesta cidade até ser contratado pelo Rei Cristiano IV da Dinamarca em 1598 como músico de corte e um dos mais bem pagos funcionários do Rei. Dowland era conhecido por toda a Europa pelas suas melodias e textos melancólicos como Flow my tears. Sobre este tema compôs a obra instrumental Lachrimae, or Seaven Teares, um conjunto de sete pavanas (danças) sobre as lágrimas humanas conhecida em toda a Europa de então. O título desta obra deu o nome ao consort Sete Lágrimas.
Nascido em Paris, Claude Goudimel (c.1514/520-1572) converteu-se ao Protestantismo em Metz, em 1557, tendo-se associado à causa Huguenote. Harmonizou os salmos Calvinistas do Livro de Salmos de Genebra dos quais Je chanterai car Dieu est ma lumière faz parte. Fugiu de Metz perante a crescente hostilidade contra os Protestantes durante a Guerra da Religião e acabou mesmo por ser morto, em Lyon, em 1572, no Massacre da Noite de São Bartolomeu. Benjamin de Rohan, duque de Soubise, comandou uma segunda revolta Huguenote, em 1625, contra Louis XIII e ocupou a ilha de Ré, perto de La Rochelle. Daí comandou um ataque bem-sucedido à Bretanha. Regressou à ilha de Ré e controlou a costa de Nantes a Bordéus.
Juan de Anchieta (1462-1523) nasceu no seio de uma importante família Basca, em Azpeitia. Em 1489 foi contratado como maestro di capilla da Rainha Isabel I, a Católica, em 1495 de D. João, Príncipe das Astúrias, e, em 1504, da Rainha Joana I, a Louca. No final da vida regressou ao convento que tinha fundado na sua cidade natal. Navarra, onde se passa a acção de Love's Labour's Lost - num parque da Corte Real de Navarra - é uma região geográfica, cultural e historicamente integrada no País Basco.
Sabe-se pouco dos primeiros anos de vida de Giovanni Girolamo Kapsperger (c.1580-1651) mas o seu pai, Wilhelm von Kapsperger, Oficial da Casa Imperial dos Hapsburgos, trabalhou em Veneza, cidade onde se diz ter nascido o filho. Compositor e brilhante virtuoso de alaúde e tiorba, Kapsperger mudou-se para Roma em 1605. Em 1624 entrou ao serviço do Cardeal Francesco Barberini onde trabalhou com grandes compositores como Stefano Landi (1587-1639). Toccata arpeggiata de Kapsberger e Passacaglia della vita de Landi são talvez das obras mais icónicas destes compositores. Landi nasceu em Roma e trabalhou em Veneza entre 1618 e 1620. Claudio Monteverdi (1567-1643) é um dos mais relevantes compositores da História da Música sendo um dos pioneiros da ópera com L’Orfeo (1607). Viveu os últimos anos em Veneza - onde está sepultado - como maestro di capella na Basílica de São Marcos.
O compositor, virtuoso da guitarra barroca e professor Francesco Corbetta (ca.1615-1681) trabalhou na Corte de Carlos II, Duque de Mântua (Lombardia). Viajou por toda a Europa tendo passado os últimos anos entre Paris e Londres.
Em Henry V, no final da Batalha de Agincourt - uma das mais emblemáticas e icónicas da história inglesa, em plena Guerra dos Cem Anos, no dia 25 de Outubro de 1415, em território francês -, o Rei Henrique V, para agradecer esta importante vitória, incita as suas hostes a entoar o hino Non nobis Domine ainda no campo de batalha. Shakespeare escreve: «Do we all holy rites; Let there be sung 'Non nobis' and 'Te Deum;’ The dead with charity enclosed in clay: And then to Calais; and to England then: Where ne'er from France arrived more happy men.»
A canção Black spirits and white, red spirits and gray é referida em Macbeth, na cena das bruxas (Acto 4, Cena 1) como nota de encenação. Hecate (a deusa grega da magia e da bruxaria) pergunta por que razão não foi também convidada para os encontros com Macbeth. A cena passa-se numa gruta, na Escócia. O texto é de Thomas Middleton (1580-1627), autor contemporâneo de Shakespeare.
O editor, livreiro e compositor John Playford (1623–1686/7) ficou conhecido pela publicação de The English Dancing Master, em 1651, em Londres, um manual de dança com a música e instruções para as Country Dancesinglesas. O sucesso deste livro levou a sucessivas reedições entre 1651 e 1728 por Playford e os seus sucessores. A primeira edição continha 104 danças, num só volume, e a última cerca de 700, em três volumes.- FILIPE FARIA

 

Texto escrito de acordo com a antiga ortografia


Produção | CCB


28 abril 2019 | 16:00
Sala Luís de Freitas Branco
M/6
Duração estimada 60 min
Enviar a um Amigo