Este evento já decorreu.

C16 - Artur Pizarro

A Poesia levada para a Música

Artur Pizarro

Artur Pizarro

Neste concerto Artur Pizarro leva-nos pela música de três nomes maiores da música portuguesa do século XX, e que se apropriaram das formas e estruturas literárias, para dar corpo a obras musicais. Os Poemas do Monte de Luís Costa foram dedicados ao seu mestre e amigo Vianna da Motta. Luiz Costa surge-nos aqui como um compositor do seu tempo. A par das influências de Dukas, Fauré e da nova música alemã o compositor vê no Impressionismo francês a melhor forma de recriar o ambiente do seu Minho natal, com os seus campos e regatos. Por sua vez, Claudio Carneyro compõem os seus três Poemas em Prosa em 1930 e que tiveram como primeiro intérprete Vianna da Motta. As Glosas de Fernando Lopes-Graça foram escritas em 1950 e revelam mais uma vez o poder da identidade em Lopes-Graça que se baseou em canções tradicionais, que aparecem literalmente citadas, como base de especulação musical.

A Poesia levada para a Música

Luis Costa Poemas do monte, op.3
   I. Pelos montes for a 
   II. Murmúrios das fontes 
   III. Ecos dos vales 
   IV. Campanários

Claudio Carneyro 3 Poemas em Prosa, op.27
   I. Moderato espressivo 
   II. Allegretto 
   III. Presto assai

Fernando Lopes Graça Glosas
   I. Da canção alentejana De Noite Tudo São Sombras 
   II. De uma cantiga de Penamacor 
   III. Da canção alentejana Cisirão, Cisirão 
   IV. Do romance de Sta. Iria, de Mação 
   V. Dos Reis de Mação 
   VI. Da canção madeirense Ó Minha Vaca, Meus Bois 
   VII. De uma cantiga bailada ribatejana 
   VIII. Da Canção da Roda, do Paúl 
   IX. Da Moda da Segada, de Vinhais 
   X. Da canção alentejana Ó Pavão, Lindo Pavão 
  XI. Do Senhor Deus de Misericórdia, de Vinhais

Artur Pizarro piano

Produção | CCB

DOCUMENTOS

BIOGRAFIAS

30 abril 2017 | 17:00

Sala Sophia de Mello Breyner Andresen
M/6
Sem lugares marcados
Enviar a um Amigo